Páginas

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Bolo de Chocolate




   

Um sábado de inverno cheio de sol e um bolo para oferecer!
O dia acordou cheio de sol e com um cheiro de primavera no ar. Para além do sol magnífico, o dia reserva-me umas visitas especiais. Por isso, impulsionada pelo ambiente primaveril em pleno mês de Fevereiro, resolvi pôr mãos à obra e fazer um bolo de chocolate para o lanche. E como esta iguaria foi pensada e confeccionada para oferecer, depois de um lanche guloso, o resto foi oferecido para outros lanches com o objectivo de consolar outros estômagos e aconchegar outras almas. 

  







Ingredientes Bolo*:

7 ovos;
2 chávenas de açúcar;
2 chávenas de farinha; 1 chávena de oléo;
1 chávena de chocolate em pó;
2 colheres de sopa de fermento em pó.

Ingredientes Cobertura**:

4 colheres de sopa de leite ou água;
2 chávenas de açúcar de pasteleiro;
1 chávena de chocolate em pó;
1 colher de margarina.

Preparação do Bolo:

1.º Bater os ovos com o açúcar até a massa começar a aumentar de tamanho e começarem a formar-se bolhinhas;
2.º Incorporar o chocolate em pó;
3.º De seguida adicionar o óleo;
4.º Depois juntar a farinha à qual já se adicionou o fermento em pó.


Preparação da Cobertura:

Colocar todos os ingredientes num tacho pequeno e misturar.

Levar ao lume, depois de levantar fervura deixar ao lume durante 2 minutos e mexer sempre de forma a não se pegar ao tacho. De seguida verter por cima do bolo.

*  Foi usada uma Chávena com capacidade de 250gr.
** Usei uma chávena com a capacidade de 200gr.

Fonte: A receita deste bolo é encontrada em várias sítios da Internet, retirei-a já há algum tempo de um que já não sei precisar qual. No entanto, esta receita sofreu algumas alterações feitas por mim. 

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

PREGUIÇA, PREGUIÇA E MAIS PREGUIÇA!!!


Confesso!!! Não tem sido descuido, nem muita ocupação, nem não ter acesso à Internet, nem o facto de não ter receitas, ou histórias para partilhar, tem sido PREGUIÇA. 

Pois é, muita preguiça, isto de se ter um Blog implica disciplina também nesta área, como é evidente. Por isso, a partir de agora tentarei publicar pelo menos uma ou duas receitas por semana. 

É curioso como algumas como algumas coisas não tem grande significado em determinada altura e mais tarde fazem todo o sentido. Este fim-de-semana revi o filme "Julie and Julia", já o tinha visto, no ano anterior, no dia do meu 30.º aniversário, na altura achei o filme interessante, mas este sábado houve uma identificação especial com o mesmo. Isto é, consegui-me identificar com a Julie, não tenho determinado número de receitas para fazer em determinado número de dias e ainda não me deitei no chão da cozinha rodeada de destroços de comida. Mas a verdade é que me identifiquei com os motivos e com a ideia de iniciar um Blog. Para mim, o Blog transcreveu-se na necessidade de ter um novo projecto, mas que estivesse relacionado com algo que realmente gostasse de fazer. 

Ora bem, depois de pensar pouco tempo, confesso, cheguei à conclusão que adoro comida, não só o acto de comer, nem só o acto de cozinhar, mas também de o facto de falar sobre sobre comida.

Por isso surgiu a ideia: Criar um Blog, algo semelhante aos que visitava quase todos os dias, onde poderia juntar as três coisas.     

Para além do início do projecto, também me identifiquei com a fase depois do início do Blog, em que vamos lá espreitar na esperança de termos muitos, pronto, pelo menos só alguns visitantes. Pois é! Também consegui perceber a felicidade da Julie ao receber o seu primeiro comentário. Bem, consegui empatisar com a felicidade  que ela sentiu e se algum dia tiver algum comentário provavelmente irei reagir da mesma maneira: com euforia.

Por isso vou continuar a publicar mensagens, com mais frequência, prometo, irei continuar a escrever e a perguntar-me, tal como a Julie, se alguém lê as minhas publicações. E continuarei na esperança de ter comentários para finalmente poder saber se irei reagir como a Julie, com euforia. Desconfio que sim...


quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012


Risotto de Cogumelos Portobello
























Mais uma receita da minha cozinha. Algo que há muito tinha curiosidade de experimentar: Risotto. Cá está ele, e da minha parte aprovado com sucesso. 
Claro que para os apreciadores de arroz soltinho talvez não seja um dos pratos de eleição. Mas é um excelente prato para quem é amante de arroz e de sabores intensos e diferentes. Outra coisa muito interessante passa pelo contraste de texturas. É possível apreciar o arroz al dente e o creme que este libertou em harmonia com o queijo derretido. Para além disto, ainda é possível degustar cogumelos macios que quase se misturam com o creme em contraste com os cogumelos assados, que assumem uma textura caramelizada e mais consistente.  






Ingredientes:
  • 20 Cogumelos tipo Portobello;
  • 1 cebola grande;
  • Alecrim;
  • 3 Colher de sopa de azeite;
  • 300 gr de arroz carolino (normalmente as receitas de risotto referem o arroz arboreo, mas como não encontrei no mercado usei o carolino);
  • 1 copo de vinho barnco;
  • 1 cubo de caldo de carne;
  • Água;
  • Sal;
  • Salsa;
  • Queijo da Ilha (por norma é usado o queijo parmesão, como também não encontrei no mercado usei da Ilha, neste caso da milha Ilha;
  • Sumo de limão;
  • Pimenta;
  • Tomilho;
  • 3 dentes de alho;
  • 10 gr de manteiga.


Preparação do Risoto:
  1. Picar a cebola finamente colocar numa panela e adicionar alecrim, deixar que a cebola frite ligeiramente em lume intenso.
  2. De seguida adicinar o arroz sem ser lavado, de forma a que a goma que este tem seja libertada para ajudar a dar o aspecto cremoso, deixar fritar durante dois minutos.
  3. Depois colocar o copo de vinho para ajudar a hidratar o arroz, deixar cozer até o liquido estar quase evaporado;
  4. Colocar o cubo de caldo de carne;
  5. Juntar metade dos cogumelos cortados ligeiramente;
  6. Adicionar sal a gosto;
  7. Deixar cozer e ir acrescentando pequenas quantidades de agua, e mexer com frequencia, depois desta estar quase evaporada adicionar mais agua e assim sucessivamente durante cerca de 18 minutos ou até o arroz estar al dente;
  8. Acrecentar uma colher de sopa de manteiaga e mexer;
  9. Adicionar algumas gotas de sumo de limão e queijo ralado, mexer até adquirir uma consistencia cremosa;
  10. Por fim misturar salsa picada.

Preparação dos cogumelos assados:
  1. Num recipiente preparado para ir ao forno colocar os cogumelos cortados em quartos;
  2. Temperar com sal e pimenta;
  3. Regar com azeite;
  4. Acrescentar alecrim e tomilho;
  5. Adicionar os alhos esmagados;
  6. Por fim envolevr tudo e colocar por cima pequenos pedaçõs de manteiga;
  7. Levar a assar no forno a 180 graus durante 15 minutos;
Servir o risoto nos pratos e por cima colocar os cogumelos assados.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

O meu Bolo de Aniversário



Este ano decidi fugir à tradição. Isto é, normalmente nos aniversários sou eu que confecciono os manjares todos, incluindo o bolo, para o aniversário da minha mãe e no meu, ela faz o mesmo.
No entanto, para este aniversário, já tinha decidido há muito que bolo queria. Numa das minhas muitas incursões pelos livros e revistas de culinária, que na maioria das vezes não tem como objectivo encontrar algo especifico, mas sim entreter-me viu-o, no livro da Joana Roque - Feito em Casa (pag.233 Bolo de Chocolate com Doce de Leite e Cobertura de Chocolate Branco),e ao olhar para a fotografia rendi-me. Por isso, deitei mãos à obra e fiz esta maravilha da qual fiquei muito orgulhosa.   
Escusado será dizer que a fotografia não é enganadora, esta delicia é de facto tudo o que promete. É uma verdadeira tentação para os amantes de chocolate, quer branco, quer de leite e também não deixa deflardados os apreciadores de doce de leite e a combinação é magnifica. E para já tive algumas solicitações para próximos aniversários.





Ingredientes:

  • 6 ovos;
  • 250 g de manteiga;
  • 200 g de chocolate negro;
  • 4 colheres de farinha sem fermento;
  • 1 colher de chá de fermento royal;
  • 1 lata de doce de leite cozido (doce de leite);
  • 200 g de chocolate brando;
  • 200ml de natas;
  • 200 g de bolinhas de chocolate (usei maltisers).
Modo de Preparação:

Derreti o chocolate negro com a manteiga no microondas, depois de derretido misturei tudo de forma a ficar um creme uniforme. De seguida bati as claras em castelo e num outro recipiente bati as gemas com o açúcar, juntei o creme de chocolate com a manteiga. Adicionei a farinha,  o fermento e por fim as claras em castelo.

Levei ao forno num forma redonda sem buraco, untada com manteiga, cerca de 40 minutos e até o bolo estar cozido. 

Depois de estar totalmente frio desenformei e cortei-o ao meio e recheei com o doce de leite por fim coloquei a outra parte por cima.

Derreti o chocolate branco com as natas, em banho-maria, deixei arrefecer ligeiramente e cobri a parte de cima do bolo com este creme, por fim coloquei as bolinhas de chocolate na superfície do bolo.  

Depois das velas apagadas foi só desfrutar desta maravilha.